quinta-feira, 11 de setembro de 2008

Eu + Você

Quero tudo. Quero muito. Quero entendimento mútuo, compreensão sem pedir, naturalidade. Quero me enxergar e te enxergar nesse teu olho. Quero te aprender, te viver, mas - acima de tudo - não deixar de ME viver. Quero ser eu.

Acho, sinceramente, uma decadência a necessidade de nos completarmos por meio de outras pessoas. Me contradigo (eu sei, eu sei!), mas o vazio precisa ser preenchido por nós mesmos. Outras pessoas podem apenas acrescentar, adicionar, somar. Se não soubermos SER sozinhos a nossa felicidade vai ser sempre dependente, condicional.

A vida não pára. Todos temos tarefas e obrigações individuais. Todos temos pensamento próprio, modo de ser próprio. Ninguém pode parar para sofrer por amor, assim como ninguém pode parar pra viver um amor. Amor é um PLUS. Deve nos acompanhar, não atrasar. Não deve nos deixar sem saber o que fazer e sim sabendo exatamente o que queremos e quem somos.

Sou super a favor da independência e nem por isso deixo de sentir.

Um comentário:

Devaneios de uma Alma sem Dono.. disse...

Faz tempo que te acompanho, tu escreves muuuito bem!