segunda-feira, 15 de setembro de 2008

Não importa

Não importa muito se você gosta de rock ou de house. Nem se você usa adidas ou all star. Não importa se você faz medicina, tem uma banda ou é modelo. Muito menos se me leva pra jantar, pro cinema ou pra balada. Não importa nada disso.

O que me importa é o teu jeito. O jeito que você me olha, o jeito que você quase me escuta, o jeito que me fala. O jeito que você mexe o cabelo, o jeito que me pega pela mão, o jeito de não ter jeito, o jeito que me deixa sem jeito.

Me importa ficar rindo de mim mesma quando me pego escrevendo sobre ti. Me importa ver a tua cara de espanto quando entende o que eu quero dizer (mesmo sem eu precisar dizer). Me importam as frases ditas, as frases não ditas e as frases quase ditas. E me importa, principalmente, que a gente dê um jeito. Que a gente se importe.

Nenhum comentário: